As minhas aventuras enquanto solteira Testemunho

As minhas aventuras enquanto solteira – Testemunho

“As minhas aventuras enquanto solteira ” é o testemunho da Marisa, uma das nossas leitoras e membro da nossa comunidade de mulheres solteiras.

O testemunho da Marisa, tem como principal intuito mostrar a todas as mulheres que ser solteira pode ser algo bastante benéfico.

Relembramos que todos os dados identificativos foram alterados, de forma a manter a privacidade dos intervenientes.

As minhas aventuras enquanto solteira – Testemunho

“Boa tarde, o meu nome é Marisa, tenho 29 anos e sou uma mulher solteira assumida. Já há mais de 3 anos que estou solteira, e sinceramente adoro esta vida.

Eu sou jornalista e por isso muitas vezes sou obrigada a sair de casa para poder contar uma história ou relatar algo que vi. Contudo, nos últimos meses tenho aproveitado um trabalho em part time, que tem como intuito fazer reviews de hotéis espalhados pelo país.

Posto isto, os meus fins de semana têm sido passados nos melhores hotéis que existem em Portugal, a comer nos melhores restaurante e tudo sem ter de pagar nada (a verdade é que ainda recebo por fazê-lo).

Nas minhas últimas viagens, conheci o Tiago, um rapaz também ele solteiro que vive em Albufeira. Resolvi passar o fim de semana com ele, para que me pudesse mostrar os melhores recantos da cidade, ou seja, tudo aquilo que fica fora do circuito turístico habitual.

O Tiago é charmoso, bem-parecido e como é óbvio acabámos por nos envolver. Uma vez que teria de fazer a review do hotel em que estava, nada melhor do que testar a cama convenientemente, assim como o som isolador das paredes.

Foi uma das melhores noites de sexo dos últimos anos, e foi bastante libertador poder estar com alguém que sabia que muito provavelmente não iria voltar a ver na vida. Foi sem dúvida o melhor sexo sem compromisso que alguém poderia ter tido.

Tive direito a massagens, mimos, sex toys… tudo aquilo que possam imaginar para apimentar uma noite já de si bastante caliente.

Não trocamos números de telefone nem nomes completos para evitar qualquer tipo de contacto no futuro, contudo, passámos um fim de semana maravilhoso entre os lençóis e as “relíquias” escondidas de Albufeira.

Resolvi partilhar convosco o meu testemunho, pois no caso de estar casada ou ter um compromisso sério com alguém, não poderia levar a vida que levo, sempre a viajar, conhecer homens novos e passar bons momentos com eles.

Eu não sou uma mulher de traições, até porque esse foi o motivo do término do meu anterior relacionamento. Mas com esta vida de solteira não existe nenhum motivo para não aproveitar tudo de bom que a vida ainda tem para me oferecer até encontrar o homem certo.

Percebi que é bastante libertador estar sozinha, em vez de manter um relacionamento por aparências.”

“As minhas aventuras enquanto solteira” foi o testemunho da Marisa. Esperamos que com ele perceba que nem sempre estar sozinha é sinal de ter uma vida chata e monótona.

Se quiser compartilhar connosco o seu testemunho, sinta-se à vontade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.